Questão 2

(UEL) "Quando os britânicos chegaram pela primeira vez, Bengala era um dos lugares mais ricos do mundo. Os primeiros mercadores britânicos descreveram-na como um paraíso. [...] Lá havia ricas áreas agrícolas, que produziram um algodão de rara qualidade, e também uma indústria avançada para os padrões da época. Para se ter uma idéia, uma firma indiana construiu, durante as guerras napoleônicas, uma das naus para um almirante inglês. [...] Segundo [Adam] Smith, os ingleses destruíram primeiro a economia agrícola, depois transformaram a carência em fome coletiva. Uma maneira de fazer isso foi transformar terras agrícolas em áreas para a produção de papoulas (já que o ópio era a única coisa que a Grã-Bretanha podia vender à China). Houve então fome em massa em Bengala. [...] A partir do século XVIII, a Grã-Bretanha impôs duras leis tarifárias para impedir que os produtos industrializados indianos competissem com a produção têxtil dos ingleses. Eles tiveram de enfraquecer e destruir as indústrias têxteis indianas, pois a Índia tinha uma relativa vantagem - utilizava um algodão de melhor qualidade, e um sistema industrial, em muitos aspectos, comparável ou superior ao britânico." 
Fonte: CHOMSKY, N. A minoria próspera e a multidão inquieta. Tradução de Mary Grace Figheira Perpétuo. Brasília: UNB, 1999, p. 84-85. 

Com base no texto e nos conhecimentos sobre o tema, assinale a afirmativa correta:  

a)
b)
c)
d)
e)
Carregando equações...
Já é cadastrado? Faça o Login!