Questão 9

(UFPR) “Para acompanhar o desenvolvimento tecnológico ocidental, o Estado japonês investiu na instalação de fábricas nos setores em que o capital privado não tinha condições de atuar. Mais tarde, algumas dessas indústrias foram vendidas a baixo preço a empresários particulares. Surgiram assim os zaibatsu, verdadeiros monopólios privados que se desenvolveram muito no período entre guerras devido às inúmeras vantagens e aos privilégios assegurados pelo Estado. De 1955 a 1973, o crescimento industrial japonês foi maior que o dos Estados Unidos e o da Europa Ocidental, o que demonstra a eficácia da participação do Estado na reorganização industrial ocorrida no pós-guerra.”
(VESENTINI, J. W.; VLACH, V. Geografia crítica. v. 3. 18. ed. São Paulo: Ática, 1997. p.187-189.)
Sobre a industrialização japonesa, é correto afirmar:
a)
V
F
Assim como nos Estados Unidos e na Europa, os estágios iniciais da industrialização japonesa foram possibilitados pela disponibilidade de carvão e ferro, minérios que hoje estão esgotados no país devido à exploração intensiva.
b)
V
F
Os setores em que o Estado japonês teve que intervir mais intensamente para alavancar a industrialização foram aqueles que compõem a chamada “indústria pesada”, principalmente siderurgia, construção naval e petroquímica.
c)
V
F
Graças à ação diligente do Estado e à importância simbólica da natureza na cultura nacional, o Japão logrou industrializar-se sem comprometer a qualidade de vida com poluição sonora ou do ar.
d)
V
F
O trecho citado descreve com propriedade algumas características básicas do “modelo japonês” de desenvolvimento, mas não leva em conta a profunda crise que esse modelo vem experimentando desde o início dos anos 90, com estagnação econômica e aumento do desemprego.
e)
V
F
Ao contrário de países como Estados Unidos e Inglaterra, cujas empresas industriais transferem fábricas para países subdesenvolvidos a fim de tirar proveito dos baixos salários ali vigentes, o “modelo japonês” tem a virtude de manter a competitividade industrial mesmo pagando altos salários, sem a necessidade de transferir parte de sua produção para países menos desenvolvidos.
Carregando equações...
Já é cadastrado? Faça o Login!