Questão 5

(FGV) "A confrontação entre a loja e o engenho tendeu principalmente a assumir a forma de uma contenda municipal, de escopo jurídico-institucional, entre um Recife florescente que aspirava à emancipação e uma Olinda decadente que procurava mantê-lo numa sujeição irrealista. Essa ingênua fachada municipalista não podia, contudo, resistir ao embate dos interesses em choque. Logo revelou-se o que realmente era, o jogo de cena a esconder uma luta pelo poder entre o credor urbano e o devedor rural." 
(Evaldo Cabral de Mello. A fronda dos mazombos. São Paulo: Cia. das Letras, 1995, p. 123). 
O autor refere-se: 

a)
b)
c)
d)
e)
Carregando equações...
Já é cadastrado? Faça o Login!