Texto: Óxidos

Óxidos

Os óxidos são abundantes na crosta terrestre e alvos da exploração humana. É por meio deles que o homem consegue obter a maioria dos metais através dos minérios, como o óxido de cálcio, que é fundamental na construção civil e até na agricultura, no tratamento de solo. O óxido de férrico é também muito abundante e é utilizado como pigmentos; e, assim, existe uma longa lista de óxidos.

Os óxidos não estão apenas no solo, mas também na atmosfera, como o dióxido de carbono, o dióxido de enxofre, etc. Uma peculiaridade é que os óxidos dos metais são sólidos e os dos não-metais são encontrados na forma de gases.

Os óxidos são substâncias cujas moléculas são formadas por apenas dois elementos, sendo o primeiro deles, obrigatoriamente, o oxigênio e o segundo, qualquer outro elemento, com exceção do flúor, pois, como sabemos, o flúor é mais eletronegativo que o oxigênio, sendo, portanto, o elemento mais reativo da molécula; logo, não teria sentido classificar os elementos feitos de oxigênio e flúor como óxidos, mas, sim, como fluoretos.
 
 
 


Classificação dos Óxidos e Nomenclatura

Podemos dividir os óxidos em óxidos iônicos e não iônicos. Os óxidos iônicos são aqueles em que o oxigênio se liga a um metal. Neste caso, o nome segue a regra abaixo:
 
 
Óxido de ...NOME DO METAL... CARGA DO CÁTION
 
 
Se uma substância tem fórmula CaO, ela é um óxido iônico e é chamada, segundo a nomenclatura oficial, de óxido de cálcio. 

Os óxidos moleculares são aqueles em que o outro elemento, além do oxigênio, é um não-metal e, nesse caso, deve-se também indicar a quantidade de oxigênio com os prefixos mono–, di–, tri– etc. O SiO2, por exemplo, é chamado de dióxido de silício e é dele que são feitas as areias.
 


Peróxidos

Existe outra classe de substâncias que chamamos de peróxidos e, como os óxidos, são formadas por apenas dois tipos de elementos químicos. Essas são substâncias em que um de seus elementos é o oxigênio, que se liga a outro elemento. Nessa classe de substâncias inorgânicas está, por exemplo, o peróxido de hidrogênio, que é comumente encontrado em farmácias em sua forma aquosa: a água oxigenada.

A nomenclatura dos peróxidos segue os mesmos padrões da nomenclatura dos óxidos. O primeiro nome que aparece é o peróxido de..., que, no caso, pode ser um metal ou um não-metal. Existem outros exemplos, como o peróxido de sódio, peróxido de potássio etc. Os peróxidos são espécies bastante reativas.


Em Resumo

Neste tópico, trabalhamos mais uma das funções inorgânicas: os óxidos e os peróxidos, que são substâncias formadas por apenas dois elementos em que um deles é o oxigênio, entretanto, o íon do peróxido é o O22–. Vimos o quão simples é dar nomes aos óxidos, basta reconhecer se o ele é molecular ou iônico.
 


Referências

FELTRE, R.; YOSHINAGA, S. Atomística: teoria e exercícios. v. 2. Cidade: Ed. Moderna, 1974.
USBERCO, J.; SALVADOR, E. Química: química geral. 10. ed. São Paulo: Editora Saraiva, 2005.
PERUZZO, T. M.; CANTO, E. L., Química. 2. ed. São Paulo: Moderna, 2003.
SANTOS, W. L. P.; MÓL, G. S. (coord.). Química e sociedade: ensino médio. São Paulo: Nova Geração, 2005.
KOTZ, J.C.; TREICHEL, P.M. Química Geral e Reações Químicas. v. 1. Tradução de Flávio Maron Vichi. São Paulo: Thomson Learning, 2007.
Já é cadastrado? Faça o Login!