Texto: Cubismo e Futurismo

Cubismo e Futurismo

O cubismo foi um movimento artístico que surgiu no século XX. Caracteriza-se pela utilização das formas geométricas como conceito, principalmente os cilindros e os cubos. A arte cubista opôs-se aos padrões perfeitos das formas, fazendo surgir uma nova perspectiva, em que o objeto pode ser observado sob vários ângulos ao mesmo tempo. 

 

O pintor Pablo Picasso marcou o início do cubismo com sua obra Les Demoiselles d’Avignon. Nessa tela, Picasso surpreendeu ao retratar o nu feminino utilizando, no lugar das formas arredondadas tão características, várias figuras geométricas.

 

 

Podemos dividir a história desse movimento em duas fases distintas: o cubismo analítico e o cubismo sintético:

 

  • No cubismo analítico, havia o predomínio das formas geométricas, e estas eram colocadas de forma desmembrada. Isso fazia com que a obra tivesse que ser analisada para poder ser compreendida (entre os anos de 1910 e 1912).
 
  • O cubismo sintético surge como uma reação ao cubismo analítico, em que as formas ajudavam na interpretação das figuras (1913 e 1914).
 
  • O cubismo sempre respeitou o limite das formas, recorrendo sempre a temas como retratos e naturezas mortas.

 

 

O Cubismo no Brasil

Após a Semana de Arte Moderna de 1922, o cubismo conquistou espaço dentro da arte brasileira. Vários pintores renderam-se a sua influência e passaram a exercê-lo em suas produções. Os artistas que mais se envolveram com esse movimento foram Di Cavalcanti, Tarsila do Amaral, Anita Malfatti e Rego Monteiro.

 

Futurismo

Chamamos de futurismo o movimento artístico e literário iniciado em 1909 pelo poeta italiano Filippo Marinetti. Suas características mais importantes foram o uso de onomatopeias, a desvalorização das tradições e dos códigos morais, as pinturas com cores fortes, a sobreposição de imagens, as ideias de movimento e a valorização da tecnologia.

 

 

No Brasil, o futurismo influenciou grandemente as obras dos artistas participantes do movimento modernista, fazendo-se presente nas obras de Anita Malfatti e de Oswald de Andrade.

 

 

 

Em Resumo

O cubismo foi um movimento artístico que surgiu no século XX. Caracteriza-se pela utilização de formas geométricas como base de sua construção, principalmente os cilindros e os cubos. O pintor Pablo Picasso marcou o início do cubismo, fazendo com que o movimento ganhasse espaço. O cubismo divide-se em cubismo analítico e cubismo sintético. No Brasil, o cubismo conquistou a atenção do público após a Semana de Arte Moderna em 1922. As características mais importantes do futurismo são o uso das onomatopeias e a desvalorização dos códigos morais.

Vamos Praticar?
Já é cadastrado? Faça o Login!